SÁBADO SANTO: VIGÍLIA PASCAL

Hoje realizou-se a Vigilia Pascal, presidida pelo Arcebispo do Huambo, D. José de Queirós. Durante a Vigília Pascal, foram realizados três atos importantes que começaram com a Celebração do Fogo, na qual o Arcebispo abençoou o fogo e acendeu-o círio pascal. Neste ato, entoa-se a Proclamação da Páscoa, que é um poema escrito por volta do ano 300, que proclama que Jesus é o novo fogo, este foi cantado pelo Diacono Adriano.

Ocorreu também a Liturgia da Palavra, na qual foram feitas sete leituras, desde a criação até a Ressurreição também, sendo a leitura do livro do Êxodo a mais importante que narra a passagem dos israelitas através do Mar Vermelho, quando fugiam das tropas egípcias, sendo bem salvos por Deus. Da mesma maneira, recorda que Deus, esta noite, nos salva por seu Filho.

O terceiro ato foi quando toda a Igreja renovou suas promessas batismais renunciando a Satanás, suas seduções e suas obras e baptizaram-se um grupo de catecúmenos. O recipiente com agua  foi abençoada e foi recitada a ladainha dos santos, que nos une em oração com a Igreja militante e triunfante.